sábado, 27 de junho de 2009

Momento Manguaça Cultural - Dry Martini

O mais clássico, amado e requisitado drink do mundo. Com sua receita simples e seu toque sofisticado, o Dry Martini tornou-se obrigatório em qualquer bar de requinte. Consumido mundialmente, o drink foi imortalizado nos filmes do espião inglês James Bond, nos cinemas. O Dry Martini foi inventado em 1910, no Hotel Knickerbocker, de Nova York, pelo barman Martini de Arma di Taggia, e é aristocrático em sua origem. Ele surgiu por exigência do magnata norte-americano John D. Rockefeller, que queria degustar um drink ao mesmo tempo simples e sofisticado. Barman experiente, Martini testou várias combinações até chegar a esta criação, que conquistou Rockefeller e os demais freqüentadores do hotel, como o tenor Enrico Caruso. A partir daí, a combinação de gim, vermute e azeitona conquistou o mundo.

Até os dias de hoje, uma grande polêmica impera sobre a receita original do Dry Martini. Sempre surgiram dúvidas sobre a quantidade correta de gim e vermute que devem ser colocados na bebida, na mesma dosagem feita pelo criador do drink. Esta questão, aliás, não chega a ser esclarecida no livro do norte-americano John Doxat, Stirred, Not Shaken (Mexido, Nunca Agitado, em português). O escritor relata que a quantidade ideal do vermute, para uma dose de gim, é apenas a da sombra da garrafa sobre o copo, ou seja, apenas "um cheiro". Esta controvérsia também faz parte das páginas de outra obra literária, desta vez do grande cineasta espanhol Luis Buñuel, fã ardoroso da bebida. Em seu livro de memórias, Meu Último Suspiro, a receita descrita por ele continha poucas gotas de vermute Noilly Pratt sobre pedras de gelo. A dose de gim era acrescentada depois. O personagem James Bond degusta uma variante da bebida em todos os filmes da série, que levava vodca e vermute, "sempre mexido".

Polêmicas e receitas diferenciadas à parte, o Dry Martini tem uma obrigatoriedade: deve ser bem seco e servido em uma taça de haste fina e borda delicada. Os apreciadores da bebida dizem que essa característica dá um "sabor de viagem" ao drink, pois nasceu em uma das cidades mais cosmopolitas do mundo, a democrática e multifacetada Nova York.


RECEITA DRY MARTINI

Ingredientes
1 dose de Gim
5 gotas de vermute
6 pedras de gelo

Preparo
Primeiramente, deixe a taça no congelador por alguns minutos. Enquanto isso, prepare o drink no copo-misturador, mais conhecido como mixing glass. Ponha entre quatro e seis pedras de gelo inteiras, evitando pedaços picados, pois eles derretem facilmente. Retire o excesso de água das pedras do gelo. Despeje uma dose generosa de gim (inglês, de preferência) sobre o gelo. Em seguida, acrescente cinco gotas de vermute, de preferência o clássico francês Noilly Pratt. Com uma colher longa (mais conhecida como bailarina), mexa o conjunto com movimentos rápidos e vigorosos. O drinque é apenas mexido, nunca batido. Retire a taça do congelador e despeje o líquido utilizando um coador de bar. Para decorar, corte uma fina casca de limão, sem a polpa branca, torça a casquinha para que o sumo do limão caia sobre a mistura. Por fim, espete uma azeitona verde em um palito, coloque-a no fundo da taça e sirva.

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Momento Manguaça Cultural - O Conhaque

Como qualquer outro Brandy, a história do conhaque começa nos vinhedos. Trata-se, fundamentalmente, de videiras da variedade Ugni Blanc instaladas sobre o terreno de calcário na região de Charente que, segundo os experts no assunto, dão à fruta (a uva) muito das particulares que serão exaltadas em seu produto final.
Uma vez colhida a fruta, parte-se para o processo de vinificação, em que é extraído um vinho ácido e de baixo teor alcoólico. No entanto, os charentinos descobriram que destilando duas vezes esse produto (ou seja, levando o vinho a ebulição e recuperando a parte da bebida com maior proporção de álcool) seria possível conseguir uma aguardente deliciosa.
Uma vez obtido o "eau de vie", o produto fica em repouso em barris de carvalho por anos e anos. Nesse período, vai adquirindo essa cor âmbar, tal qual nos identificamos com o conhaque expostos no mercado. E também é nessa fase que recebe o gosto peculiar concedido pela madeira.
Depois desse período de hibernação, o chefe da casa de conhaque dispõe da matéria-prima necessária para elaborar seus cortes (mesclas), para o que irá se transformar em aguardentes de diferentes idades. Em geral, trata-se de privilegiar a consistência de cada marca (ou seja, que as características de cada rótulo sejam mantidas através do tempo).
Dado que o conhaque não continua sua evolução na garrafa, as referências com relação à idade correspondem ao tempo que passou no barril a fração mais jovem do corte. Portanto, se foi usado 5% de aguardente de quatro anos de madeira, por mais que o resto tenha um século de barril, isso não é levado em conta na hora de rotular.
As casas mais reputadas utilizam aguardentes mais antigas, inclusive as gamas intermediárias. Para não mencionar os casos verdadeiramente excepcionais nos quais são utilizadas aguardentes de um século de hibernação, mas já estamos falando do segmento mais caro de conhaque.

As distinções de idades mais freqüentes são as seguintes:
- VS (Very Special), Trois Étoiles (Três Estrelas) ou Compte 2: "el eau de vie" mais jovem, tem dois ou mais anos no barril.
- VSOP (Very Special Old Pale), Reserva ou Compte 4: mínimo de quatro anos de madeira.
- X.O, Napoléon, Hors d¿Age, Compte 6: mínimo de seis anos.
Muitos países souberam desenvolver bebidas de qualidade. Sem ir muito longe, a Espanha produz Brandies que podem jogar nas ligas mais competitivas. Entretanto, ninguém como os franceses souber codificar, tabular e traçar sua geografia em função da qualidade de sua produção.

A fim de tirar melhor proveito do ´cognac´, observe alguns cuidados:
1) prefira taças menores, cujo fundo caiba na palma de sua mão; grandes taças, ao permitir grandes áreas de contato do líquido com o ar, implicam muita evaporação e perda de aromas;
2) temperatura em torno dos 18ºC (não utilize velas ou qualquer outra fonte de calor para o aquecimento, a ser produzido somente pela palma de sua mão);
3) ao longo da degustação, o contato da taça com a palma da mão, ao permitir a temperatura do líquido subir lenta e gradativamente, faz despertar novos aromas; ao senti-los, volte a segurar a taça pela base. O tempo de permanência das sensações distingue o bom conhaque. Um X.O. pode permanecer na boca por vários minutos após ser bebido.
4) e combina muito com um friozinho!!!
Boa degustação.

Por que a espuma de sabonete e detergente coloridos é branca?

Antes de tudo, é preciso entender por que a cor do sabonete não é transferida para a espuma. O sabonete e o detergente, quando concentrados, são coloridos devido à presença de corantes. Para fazer espuma, misturamos o produto concentrado a uma quantidade proporcionalmente muito maior de algum solvente (em geral, água limpa). O resultado é que, nas finas e transparentes paredes de uma bolha de sabão, a presença de corantes é mínima e, portanto, imperceptível aos nossos olhos.

Mas se as paredes de uma bolha são praticamente incolores, porque a espuma - um amontoado de bolhas - é branca e não transparente? A resposta está na forma como nossos olhos enxergam as cores. Quando a luz incide sobre uma bolha, ocorrem dois fenômenos ópticos: a refração e a reflexão. Na refração, uma mudança de velocidade dos raios de luz que atravessam a bolha faz com que a luz branca (a do Sol, no caso) se separe em várias cores. O fenômeno fica mais evidente quando olhamos mais detidamente para uma grande bolha de sabão e vemos aquelas manchas coloridas. Uma pequena parte de luz incidente é refletida e, portanto, não muda de cor (no caso de a fonte ser a luz do Sol, continua branca).

Na espuma, esses dois fenômenos ópticos ocorrem simultaneamente em todas as minúsculas bolhas que a formam. Na nossa retina, camada sensível no fundo do globo ocular, células chamadas cones, sensíveis às cores vermelha, verde e azul (as cores aditivas primárias), informam ao nervo ótico a cor que está sendo vista. Quando as três cores chegam à retina ao mesmo tempo (como no caso da espuma), o que se vê é o branco.
Uma experiência simples comprova esse efeito: observe com uma lente de aumento uma área da tela do monitor do seu computador que tenha a cor branca. Você observará que há nela pontos muito pequenos com essas mesmas três cores sendo emitidas ao mesmo tempo.

É possível mudar a cor da espuma?
Sim, de duas formas. Uma delas é iluminá-la com uma luz colorida, diferente da branca. Outra opção é tingir a solução de água e sabão. No entanto, como a quantidade de água tingida nas paredes das bolhas é muito pequena, o efeito é sutil. Você pode testar, por exemplo, misturando sabão ou detergente com um pouco de café. Nesse caso, a espuma terá uma cor marrom claro, um pouco mais escura que a espuma formada a partir da solução de água cristalina e sabão.

Pior Inquilino do Mundo!

Você mora de aluguel? Se sente infeliz?
Então talvez lhe conforte saber que existem pessoas em situação pior que a sua.
O pior inquilino é o espermatozóide.
Mora com milhões de irmãos na casa do cacete.
O apartamento é um ovo.
O prédio é um saco.
Os vizinhos da frente, uns pentelhos.
O de traz, só faz merda.
E o proprietário quando fica duro bota todo mundo pra fora.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Momento Cultural - Você sabe o que é um Palíndromo?

NÃO?!
Um palíndromo é uma palavra ou um número que se lê da mesma maneira nos dois sentidos, normalmente, da esquerda para a direita e ao contrário.

Exemplos:
OVO, OSSO, RADAR.
O mesmo se aplica às frases, embora a coincidência seja tanto mais difícil de conseguir quanto maior a frase; é o caso do conhecido:

SOCORRAM-ME, SUBI NO ONIBUS EM MARROCOS.

Diante do interesse pelo assunto, tomei a liberdade de seleccionar alguns dos melhores palíndromos da língua de Camões.

ANOTARAM A DATA DA MARATONA
ASSIM A AIA IA A MISSA
A DIVA EM ARGEL ALEGRA-ME A VIDA
A DROGA DA GORDA
A MALA NADA NA LAMA
A TORRE DA DERROTA
LUZA ROCELINA, A NAMORADA DO MANUEL, LEU NA MODA DA ROMANA
ANIL É COR AZUL
O CÉU SUECO
O GALO AMA O LAGO
O LOBO AMA O BOLO
O ROMANO ACATA AMORES A DAMAS AMADAS E ROMA ATACA O NAMORO
RIR, O BREVE VERBO RIR
A CARA RAJADA DA JARARACA
SAIRAM O TIO E OITO MARIAS
ZÉ DE LIMA RUA LAURA MIL E DEZ

Interessante!

Noite mosqueteira!

Hot Chick Pranked!

When Football Players Forget to Score!

terça-feira, 16 de junho de 2009

23 anos em sete segundos

Daqui a pouco acontecerá, em São Paulo, a pré-estréia, só para convidados, do documentário "23 anos em sete segundos", que tem como um dos diretores o premiado diretor Julinho Xavier e como tema o jogo entre Corinthians e Ponte Preta que, em outubro de 1977, decretou o fim do jejum de títulos corintiano.

O filme é o primeiro de quatro da Fox Filmes e produzido pela produtora Canal Azul.

Os outros três serão sobre o tetracampeonato brasileiro do Corinthians, sobre o centenário do alvinegro e sobre o primeiro Mundial de Clubes da Fifa.

Este que deve estar nos cinemas a partir de 26 deste mês e nas videolocadoras já em julho, tem 80 minutos, uma série de depoimentos interessantes e até pega Robério de Ogum na mentira, pois sua versão de que achou, ao lado de Vicente Matheus, um sapo enterrado no Parque São Jorge é negada pela viúva do ex-presidente corintiano, Marlene.

Mas o ponto alto são imagens inéditas do jogo, gravadas ao nível do gramado, por uma equipe de Amauri Júnior para um projeto que acabou não vingando e que foi doado à Cinemateca e lá descoberto pelos produtores do documentário.

Há ângulos nunca vistos, por exemplo, da comemoração de Basílio, o autor do gol da libertação, junto à bandeirinha de escanteio do Morumbi, que são de arrepiar a alma corintiana.


Earthquake na Paraiba!

Depois dos terremotos ocorridos na Ásia, o Governo Brasileiro resolveu instalar um sistema de medição e controle de abalos sísmicos, que cobrem todo o país. O então recém-criado Centro Sísmico Nacional, poucos dias após entrar em funcionamento, já detectou que haveria um grande terremoto no Nordeste do país. Assim, enviou um telegrama à delegacia de polícia de Icó, uma cidadezinha no interior do Estado da Paraíba.
Dizia a mensagem:

'Urgente - Possível movimento sísmico na zona. Muito perigoso.. Richter alto. Epicentro a 3km da cidade. Tomem medidas e informem resultados com urgência.'

Levou uma semana para o Centro Sísmico receber um telegrama resposta que dizia:

''Aqui é da Polícia de Icó. Movimento sísmico totalmente desarticulado..
Richter tentou se evadir, mas foi abatido a tiros. Desativamos as zonas. Todas as putas estão presas. Epicentro, Epifânio, Epicleison e os outros cinco irmãos estão detidos.
Não respondemos antes porque houve um terremoto da porra aqui.'

Atenciosamente,
VANDERCLEISON BREDIPITISSON DA SILVA

Campanha de Marketing!

O Corinthians terá mais um nome em sua camisa. O desodorante Avanço estampará as axilas do uniforme do time até meados de 2010. A empresa que administra a marca - a mesma da Bozzano, outra patrocinadora do Timão - disse em comunicado que o sucesso já alcançado com seu produto nas mangas da camisa proporcionou uma ampliação do projeto no Timão.O patrocínio nas axilas, local onde o produto anunciado é aplicado, é considerado inovador por especialistas em marketing e já começa a ser utilizado também por outros clubes, como o São Paulo Futebol Clube (imagem abaixo).

Segundo a diretoria de marketing do SPFC, a idéia é estampar na parte traseira do calção um produto amplamente utilizado por seus torcedores, justamente na região onde é mais aplicado. O jogador Richarlyson promete estrelar campanha do produto.

UM CHOQUINHO!!

domingo, 14 de junho de 2009

Momento Cultural: Vocês sabem o que é tautologia?

É o termo usado para definir um dos vícios de linguagem.
Consiste na repetição de uma ideia, de maneira viciada, com palavras diferentes, mas com o mesmo sentido.
O exemplo clássico é o famoso 'subir para cima' ou o 'descer para baixo'. Mas há outros, como pode ver na lista a seguir:
- elo de ligação
- acabamento final
- certeza absoluta
- quantia exacta
- nos dias 8, 9 e 10, inclusive
- juntamente com
- expressamente proibido
- em duas metades iguais
- sintomas indicativos
- há anos atrás
- vereador da cidade
- outra alternativa
- detalhes minuciosos
- a razão é porque
- anexo junto à carta
- de sua livre escolha
- superávit positivo
- todos foram unânimes
- conviver junto
- facto real
- encarar de frente
- multidão de pessoas
- amanhecer o dia
- criação nova
- retornar de novo
- empréstimo temporário
- surpresa inesperada
- escolha opcional
- planear antecipadamente
- abertura inaugural
- continua a permanecer
- a última versão definitiva
- possivelmente poderá ocorrer
- comparecer em pessoa
- gritar bem alto
- propriedade característica
- demasiadamente excessivo
- a seu critério pessoal
- exceder em muito

Note que todas essas repetições são dispensáveis.
Por exemplo, 'surpresa inesperada'.
Fique atento às expressões que utiliza no seu dia-a-dia.

Um dia tudo acaba!

Val Kilmer

Ian Torpe

Mickey Rourke

Brendan Fraser

Russel Crowe

Alec Baldwin

Richard Gere

Roger Moore

Arnold Schwarzenegger

Pierce Brosnan

Clint Eastwood

Rod Stewart

sábado, 13 de junho de 2009

Saco gelado...

Duas brasileiras e uma portuguesa estavam jogando conversa fora, quando uma das brasileiras comenta com a outra sobre suas relações íntimas com o marido.
- Menina, nunca te aconteceu quando você faz amor com o Carlos, você tocar no saco dele e ele estar gelado?
A outra brasileira responde:
- Sim, sempre que nós fazemos eu percebo que está gelado. E você, quando faz com o Rafael?
- Sim, o saco está sempre gelado! - responde a outra brasileira.
Nisso, a portuguesa diz:
- Bom, eu nunca reparei nesse detalhe, mas esta noite, quando eu fizer amor com o Manuel, vou tocá-lo só para ver.
No dia seguinte, a portuguesa aparece toda cheia de hematomas e com um baita olho roxo.
As brasileiras ficam surpresas, perguntam o que foi que aconteceu e a portuguesa responde, muito nervosa:
- Isto é culpa de vocês!!! Ontem eu estava a fazer amor com o Manuel e, quando lhe toquei as bolas, eu disse:
- Ai, Manuel... que bom... tu não tens as bolas frias como as do Carlos e as do Rafael!

Sexo com emoção!

O brasileiro chega ao trabalho todo sorridente, feliz com a vida, e seu colega português lhe pergunta:
- Por que estás a rir à toa?
E ele responde:
- Tive uma noite maravilhosa... estava fazendo sexo com minha mulher... e quando estava quase gozando, peguei a minha arma e dei um tiro para cima. Ela levou um puta susto, contraiu sua vagina e gozei muito gostoso! Por que você não faz a mesma coisa?
E assim o português se propôs a fazer.
No outro dia o português chega ao trabalho com uma cara de merda. E seu amigo pergunta:
- E aí não deu certo?
E ele respondeu:
- Claro que não!!! Estava eu a fazer um 69 com minha mulher... quando ia estar a chegar lá, dei o tiro sugerido. Ela levou um puta susto, mordeu meu pau, cagou na minha cara e ainda me sai um filho da puta do armário gritando
- NÃO ME MATE POR FAVOR!!!.

domingo, 7 de junho de 2009

O dia em que o Brasil foi invadido

Rosa de Hiroshima

CNN aponta Mano Menezes o quarto melhor técnico do mundo

Mano Menezes é o quarto melhor treinador do mundo na atualidade. Pelo menos segundo o site da CNN International, que publicou nesta sexta-feira a lista dos cinco técnicos com melhores aproveitamentos em 2009. O corintiano está atrás apenas de Josep Guardiola, do Barcelona, Alex Ferguson, do Manchester United, e José Mourinho, da Inter de Milão. Completa a lista o português Manuel José de Jesus, do Al-AHly, do Egito.

A eleição leva em conta o desempenho dos técnicos de agosto de 2008 até maio de 2009, período que compreende a temporada européia. O comandante corintiano ostenta 67,8% de aproveitamento nesse intervalo, com 31 vitórias, 19 empates e cinco derrotas.O líder do ranking é Guardiola, com 87,6% à frente do Barcelona campeão espanhol, da Copa do Rei e da Liga dos Campeões. Ferguson vem em segundo, com 75% no Manchester campeão inglês, da Copa Liga Inglesa e da Supercopa Inglesa. Já Mourinho exibe índice de 67,9% na Inter campeã italiana.Se forem levados em conta os números apenas de 2009, Mano tem aproveitamento de 66,6% no Corinthians. Em 36 jogos, conquistou 19 vitórias, 14 empates e três derrotas, duas delas sofridas com o time reserva.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

O que é planejamento estratégico

- Padre, eu pequei. Fui seduzido por uma mulher casada que se diz séria.
- És tu, Joãozinho?
- Sou, Sr. Padre, sou eu.
- E com quem estivestes tu?
- Padre, eu já disse o meu pecado... Ela que confesse o dela.
- Olha, mais cedo ou mais tarde eu vou saber, assim é melhor que me digas agora!... Foi a Isabel Fonseca?
- Os meus lábios estão selados, disse Joãozinho.
- A Maria Gomes?
- Por mim, jamais o saberá...
- Ah! A Maria José?
- Não direi nunca!!!
- A Rosa do Carmo?
- Padre, não insista!!!
- Então foi a Catarina da pastelaria, não?
- Padre, isto não faz sentido.
O Padre rói as unhas desesperado e diz-lhe então:
- És um cabeça dura, Joãozinho, mas no fundo do coração admiro a tua reserva. Vai rezar vinte Pais-Nossos e dez Ave-Marias... Vai com Deus, meu filho...
Joãozinho sai do confessionário e vai para os bancos da igreja. O seu amigo Maneco desliza para junto dele e sussurra-lhe:
- E então? Conseguiu a Lista?
- Consegui. Tenho cinco nomes de mulheres casadas que dão para todo mundo.

Moral da história: O PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO COMEÇA COM A ANÁLISE DO MERCADO!

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Homens da Caverna!

Como diria Milton Leite - QUE BELEZA!!!

Mulheres reunidas, música e dançarinos com trajes sensuais. Os ingredientes são explosivos! E sabe onde foi esta festinha animada? Dentro da Câmara de Vereadores de uma cidade do Pará.

Era um domingo, dia 19 de abril. O plenário da casa legislativa foi emprestado para um congresso de cabeleireiros. As bandeiras do estado do Pará, do Brasil e do município estão estendidas quando começa a brincadeira.
Algumas mulheres são convidadas a participar. Com os olhos vendados e um gole de uma bebida misteriosa. O clima esquenta!
A mulher que apresentou o evento foi identificada apenas como Lília. Localizamos ela por telefone no interior de Tocantins.
Lília tenta explicar: “Aquilo era brincadeira, aquilo dentro de lá era suco de pêssego, era brincadeira. Isso em evento de beleza sempre tem. Agora, a infelicidade, foi de nós... Eu nem sabia que na Câmara não podia ficar sem camisa”.
E confirmou que o evento era para promover cosméticos.
“A gente está para vender. A gente faz o evento para vender pros cabeleireiros”.
O pedido para usar o plenário foi feito por uma cabeleireira da cidade, Anália Xavier de Godoy, dona de um salão. Anália não quis gravar entrevista.
“Eu não vou expô-la de jeito nenhum. Ela não quer se expor, não vou forçar”, diz Jefferson Carneiro, marido de Anália.
O documento foi assinado pelo secretário executivo da Câmara de Vereadores de Redenção com autorização do presidente Alexandre Junior Rodrigues, vereador pelo PP. Ele não estava na cidade no dia da nossa gravação.
Segundo o presidente em exercício, João Lúcio, do PPS, uma sindicância foi aberta para apurar o caso (agora estamos tranquilo, tudo se resolverá!!!).
“Nós vamos entrar com um pedido judicial para que ela esclareça, porque quando ela solicitou não estava prevista essa apresentação de excessos que prejudicaram a imagem da instituição”, disse João Lúcio.
“O que aconteceu na Câmara Municipal de Redenção é proibido pela Constituição Federal. A Constituição não permite que se use bem público que não seja para finalidade de bem público. Então o que aconteceu na Câmara de Redenção, além de imoral, é passível de punição”, explica Ângela Sales, presidente da OAB-PA.
.
Só há uma coisa a dizer sobre isso: QUE BELEZA!!!
(um abraço ao Milton Leite por criar essa frase que consegue resumir muitas coisas que são difícieis de expressar em palavras!!!).